ARTIGO 05

SOU AUTÔNOMO, DEVO CONTINUAR CONTRIBUINDO COM O INSS?

Diante do cenário econômico cada vez mais as pessoas estão criando o interesse em abrir seu próprio negócio, trazendo também a dúvida em relação a contribuição ao INSS.

Se você se identificou com a dúvida da maioria dos brasileiros, esse artigo é para você! Provavelmente você trabalha por conta própria e sem a existência de relação de emprego. Pois bem, perante o INSS você é um CONTRIBUINTE INDIVIDUAL. Assim é chamado o trabalhador autônomo.

Ou seja, a iniciativa de recolher as contribuições é apenas sua, não existe um empregador que recolhe.

O contribuinte autônomo se enquadra na condição de segurado obrigatório. Portanto, deve contribuir ao INSS para obter direito a benefícios previdenciários futuros. Assim, o ideal é que contribua pelo menos o mínimo, voluntariamente, para ter direito não só a aposentadoria, mas ao auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, licença maternidade e pensão por morte para seus familiares.

Saiba que o INSS deve orientar a todos os segurados para concessão do melhor benefício para cada caso. No entanto, nos deparamos com a realidade que nem sempre é o que acontece. Nós o podemos te auxiliar com a melhor solução para o seu caso!

Amanda Henrique
Dúvidas e orientações: Whatsapp (12) 98154-5999

<<< VOLTAR